Sorrisos de criança Campo Grande, MS

Ser criança

Outro dia pegamos carona de volta no tempo. Um tempo em que celular era telefone só de falar. Um tempo em que passatempo era brincar de queimada, enquanto nossas mães não chegavam para nos buscar na escola. Um tempo em que pega-pega e pular corda eram as redes sociais, que só faziam aumentar as amizades. No caminho tocava "suco gelado, cabelo arrepiado, qual é a letra do seu namorado, A, B, C...". E a gente comemorava junto, sorria junto, abraçava junto, de dois, três, até formar um montinho.


Outro dia, pegamos carona de volta no tempo. Chegamos lá, nenhuma criança com celular na mão. Não tinha selfie e ninguém queria perder tempo com isso. Queriam mesmo era sonhar. 


E nós sonhamos junto. Na verdade, sempre pegamos carona de volta no tempo, quando a Kity escreve "Mari, vamos fazer a festinha do Luís Felipe/ da Maria Beatriz, tal dia. Você está disponível para estar conosco?". Sempre que essa mensagem aparece por aqui, já nos colocamos a arrumar nossas coisas, porque sabemos que a viagem será boa. E como foi! Esse cheiro de infância, das memórias que guardamos no coração, só tornam tudo mais especial ainda, quando decidimos apertar os botões das nossas câmeras: o jogo com os amigos, o gol defendido, a vitória na corrida do pega rabinho,  lanche coletivo, os abraços (quase gana) de felicidade, o frio na barriga na hora do parabéns e a fuga na hora do bendito com quem será! É liberdade, é poesia, é cheiro de ser criança. Ser criança! 


De volta aos tempos de hoje, eu (Mari) estava aqui pensando neste post,  enquanto carregava as fotos. Entre pensamentos e passeios pela internet, encontrei um texto de Manoel de Barros, em Exercícios de Ser Criança: "com certeza, a liberdade e a poesia a gente aprende com as crianças". Pegamos carona de volta no tempo, pra aprendermos mais uma vez! 


Renato, Kity, Luís Felipe e Maria Beatriz, nós agradecemos , de todo nosso coração, por essa carona tão gostosa! Pegar nossas coisas e viajar no tempo com vocês é uma aventura que enche o dia de leveza e de alegria, e nos leva a encontramos de novo com as crianças que um dia Paulo e eu fomos. Muito obrigada! 


Quem fez?

Decoração: Lucia Festas

Personalizados: Adornos e Afins

As melhores brincadeiras de infância: Aninha Recreações

O melhor hambúrguer: Ademar (se você quiser o contato, me fala que te passo!)